domingo, 25 de julho de 2010

Bipolaridade invisível


--
Triste, alegre
Raiva, calma
Muito, pouco
Doce, amargo
Incrível, sem graça
Revoltado, tradicional
Misture tudo, acrescente uma dose generosa de momentos inapropriados e uma pitada de ignorância. Resultado? aprox. a personalidade da humanidade.
--
Tantas mudanças de humores realmente confunde, dependendo do dia, tenho a impressão de conhecer na mesma pessoa, mais umas 451018742693. Pode parecer que magicamente se multiplicam meus conhecidos, mas ao contrário, é como se não conhecesse ninguém, direito.Já é difícil entender a si mesmo, imagine os outros (sorte aos psicólogos/terapeutas). Será que é impossível mesmo conhecer alguém totalmente? Pessoas são surpreendentes, o que é interessante, mesmo me deixando frustrada.A raça humana é realmente fascinante, por isso não consigo entender as pessoas que abominam sua própria raça, nos acham sujos, prepotentes e sem valores (não que não o sejamos), mas não somos tão ruins assim, horas. Não consigo pensar em argumentos pra defender essa minha tese, mas tudo bem. Se se odeiam, que se matem, simplesmente. Certo, isso ficou meio agressivo, mas não levem a mal.

Tenho que parar de analisar as pessoas.
Ou não.
Cada um com suas manias, oi?

16 comentários:

  1. Olá Jade gostei do post
    acredito q nunca vamos conheceruma pessoa totalmente,até nós mesmo não nos conhecemos totalmente (em minha opinião),imagine tentar conhecer os outros.A raça humana é um ser deploravel,vemos todos os dias pessoas passando fome,a miséria,destruição,violencia e q o fazemos pra melhorar isso nada (exceto algumas pessoas),claroq qm tem o poder pra tentar diminuir um pouco esses fatores não fazem nada e isso é o q me deixa mais enrraivada.

    ResponderExcluir
  2. A compreenção do outro é um grande passo para o próprio entendimento. Somos seres pensantes, e que as vezes pensam demais. As informações no vem a cabeça como turbilhões de temperamentos.
    ..
    Gostei do texto.

    ResponderExcluir
  3. gostei bastante
    o comecinho ali tava d+
    xD

    ResponderExcluir
  4. Antes eu procurava entender as pessoas.
    Até que mudei com o tempo e aprendi a aceitar as pessoas.
    Então, aceitando, passei a entender.
    E entendendo as pessoas, tive um Labrador (um dia vou escrever sobre ele no meu blog) e ele me fez ver que pessoas são ingorantes, que nós não somos nada mesmo. O quão burros somos e como somos um grão de areia.
    Então minha bipolaridade,antes incontrolável, passou a ser controlavel. Descobri meu auto-controle. vivo minha vida, do jeito que eu escolher pelos caminhos, catando isso e aquilo e sigo em frente.
    Somos apenas algo no caminho de alguém, assim como as pessoas são algo no nosso caminho. Nascemos para aprendermos e só.
    Bipolaridade é difícil, as todos temos. O segredo está em encontrar algo que te ajude a equilibrar.

    ResponderExcluir
  5. Certo estava quem disse “Nem Jesus agradou a todos”... Mas será que alguém pode ao menos entender a um outro alguém?
    Pois pra mim já é fato que é verdadeiramente impossível entender as pessoas!

    ResponderExcluir
  6. Se não conseguimos compreender os outro, como iremos nos compreender? Somos todos iguais.
    =]

    abçS
    _________________
    http://nolimitedamatematica.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. oie, adorei o blog *-*
    estou seguindo, segue o meu tbm?

    http://livreelouca.blogspot.com/

    Um beijo *-*

    ResponderExcluir
  8. Você tem cada pensamento.Gosto muito de ler seus posts.Concordo:acho que cada um tem dentro de si diversas naturezas,e assume diversas personalidades.Assim as pessoa não deveriam ser rotuladas como boas ou más.O que se vê nelas é apenas uma manifestação no em determibado tempo/espaço.

    ResponderExcluir
  9. Que contradotório seu texto... por um lado fala bem da raça humana sem nenhum argumento... mas finaliza desse jeito estranho...

    Mulheres... vá entendê-las

    ResponderExcluir
  10. Primeira vez aqui!
    Eu acho que somos terríveis, mas realmente não nos odeio. Mas certos seres humanos me fazem pensar na nossa existência.

    Beeijo!
    Seguindo!

    ResponderExcluir
  11. Adorei o post. Me vi em muitos trerchos dele.
    Essa tal bipolaridade é tao nossa, machuca, e alegra.

    Obrigada pelo comentario no meu blog.
    Beijoo

    www.desassossegonabolsa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Eu já desisti de tentar entender alguém. Começando por mim. rsrs
    E sobre a minha postagem, às vezes penso que ser uma máquina (em alguns momentos) não seria tão ruim.

    Abraço!
    http://serenico.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. "Tenho que parar de analisar as pessoas.
    Ou não."
    digo o mesmo, também sou assim xD
    a gente ao fazer isso se depara com cada um..

    ResponderExcluir
  14. me identifiquei com o post
    digamos que sou assim
    ah ! não pare de analisar as pessoas, ok?

    e obrigado pelo comentário no meu blog " Arcanjo trovador"

    volte quando quiser

    estou te seguindo
    será um prazer ler seus outros posts

    bjo

    ResponderExcluir
  15. sou meia bipolar rsrrs, esse é o meu:

    Qual teu maior sonho?? leia esse e outros artigos no meu blog ,http://assuntosvariados26.blogspot.com/ saúde, beleza etiqueta ...

    bjus.

    ResponderExcluir

Pode falar, não mordo.